19/04/2018
Operação desarticula quadrilha que operava de dentro de Penitenciária

Na manhã desta quinta-feira (19) uma Força Tarefa formada pela Delegacia da Polícia Civil de Capanema, 4a Cia. da Polícia Militar de Capanema, policiais federais de Foz do Iguaçu e BPFron, deu cumprimento a nove Mandados de Busca e Apreensão em locais suspeitos de serem utilizados para a distribuição de drogas e cumprimento a três Mandados de Prisão Preventiva expedidos pela Vara Criminal de Capanema contra pessoas suspeitas de tráfico de drogas.

Essa operação e a fase final de investigações que visam desarticular quadrilha especializada no tráfico de drogas baseada em Capanema, que recebia ordens de traficantes presos numa Penitenciária da região Sudoeste, que coordenavam as operações criminosas por meio de telefones celulares de dentro da cadeia.

 

A partir desse contato entre criminosos presos na penitenciária e suspeitos presos nessa manhã, as drogas eram distribuídas para vários municípios da região Sudoeste.

Além das buscas feitas em locais suspeitos, uma equipe da Polícia Civil realizou buscas dentro da cela de uma Penitenciária da região visando apreender os telefones que seriam utilizados para chefiar as atividades da quadrilha presa.

Como resultado final das ações policiais, foram presas três pessoas em cumprimento a Mandados de Prisão Preventiva e outras três pessoas presas em flagrante por tráfico de drogas, também foram apreendidos mais de R$ 8 mil reais, porções de maconha, crack e cocaína, além de apetrechos para a preparação de drogas para a venda.

A equipe do Canil da Polícia Federal foi empregada na Operação para a localização das drogas.

Todos os presos e as drogas apreendidas foram encaminhadas à Delegacia de Polícia Civil de Capanema onde foram autuados em flagrante.

Essa é mais uma ação conjunta das policiais Federal, Militar e Civil na fronteira Sudoeste Paranaense no combate ao crime na fronteira.

 

Créditos: Polícia Civil/Portal Tri

Compartilhe com seus amigos!

Veja as últimas notícias abaixo

PUBLICIDADE
no2
no9