no1
03/12/2019
Homens são presos pela PM com caminhonete furtada e vaca amarrada no compartimento de carga

Durante a noite desta segunda-feira (2), por volta das 22h40min, foi comunicado via central que uma VW/saveiro, de cor branca, estava na comunidade do km 40, em Perola do Oeste tentando carregar alguns bovinos, onde não tiveram êxito, pois os moradores, usando lanternas foram averiguar o local e localizaram alguns animais amarrados e o veículo em questão não se encontrava mais no local, possivelmente evadindo-se após ver a movimentação.

 

 

 

Visto isto, iniciou-se um cerco policial com as equipes de Perola do Oeste, Planalto, Capanema, Realeza e Santa Izabel do Oeste, onde descobriu-se através da placa que tal automóvel possivelmente tomaria rumo a realeza, onde já havia sido abordado dias atrás. Em determinado momento, a equipe PM de Realeza, que encontravam-se na ponte do Rio Capanema, visualizou o veículo.

 

Tentando a abordagem e tendo a ordem de parada ignorada. Nesse momento iniciou-se o acompanhamento tático sentido a Realeza, sendo via rádio repassado o itinerário do veículo em fuga, momento que as demais equipes, também com apoio do município de Ampére e Salto do Lontra iniciaram o cerco, parando em locais estratégicos.

 

A equipe policial acompanhou com distancia de segurança o veículo em fuga até que perdeu o visual do mesmo, e com o cerco mantido, a equipe de Capanema, que encontrava-se na entrada para a Comunidade de Rio da Prata, interior de Santa Izabel do Oeste-PR, acabou visualizando a referida saveiro vindo do interior, sentido PR 281. Neste momento, foi dado sinais sonoros e luminosos e o veículo parou. O motorista não esboçou reação. O passageiro fugiu para uma área de vegetação, sendo perseguido e detido, sendo posteriormente identificado.

 

Ambos foram algemados para garantir a segurança e integridade da equipe. No veículo, encontramos amarrado um bovino de pelagem escura, com aproximadamente 220 quilos, que aparentava estar bastante machucado. Indagado os abordados sobre o animal, não souberam explicar a procedência, entraram em contradição e por fim afirmaram que o animal era do masculino que tentou fugir.

 

Segundo eles, fugiram por quê o veículo tem problemas documentais. Dando sequência, com a chegada de demais equipes em apoio, foram feitas buscas a fim de encontrar armas ou outros objetos. Apenas foi encontrado dois celulares com o motorista, o qual um deles, ele conseguiu quebrar contra uma pedra e o outro permanece intacto.

 

Em suma, os detidos, juntamente com o animal, aparelhos celulares e veículo foram encaminhados ao pelotão de realeza para confecção de documentação. No pelotão de Realeza, em vistoria minuciosa no veículo, descobriu-se que o mesmo trata-se de produto de furto e estava com a placa clonada.

 

Sobre o animal, até o momento não foi localizado o proprietário. Após tudo o que foi exposto, os detidos, veiculo, celulares e o animal foram entregues a Delegacia de Realeza para as providências de praxe.

Créditos: Rádio Clube com informações da PM

Compartilhe com seus amigos!
PUBLICIDADE
no2
no9
PUBLICIDADE
no3