no1
13/02/2020
Policial Militar de folga evita tragédia em Francisco Beltrão

Na noite desta terça-feira (11), um policial militar que estava de folga, transitava com seu veículo particular pelas ruas de Francisco Beltrão, passando por um local de intenso fluxo de pessoas e veículos, quando detectou uma anormalidade. Uma mulher estava sentada no parapeito de uma ponte, com as pernas para o lado de fora evidenciando que pretendia suicídio. De imediato o policial se aproximou e conseguiu agarrá-la, evitando assim que ela cometesse o ato.

Como a mulher estava muito agitada e aflita, usando de força física para tentar se desvencilhar do policial e continuar com o plano, o fato acabou sendo mal interpretado por parte de algumas pessoas que passavam pelo local.

Diversas ligações para o 190 foram registradas e rapidamente uma equipe do 21º Batalhão de Polícia Militar deslocou ao local onde o colega ainda resguardava a integridade da pessoa. A guarnição registrou boletim de ocorrência e os fatos foram confirmados pela vítima que assegurou estar convicta do resultado se não fosse a intervenção do policial.

A vítima foi encaminhada pelo SAMU e recebeu atendimento médico.

A Comunicação Social do 21º BPM enviou a imprensa, uma nota oficial para esclarecer o ocorrido, confira abaixo

 

 

“Todos os dias, nos quatro cantos do nosso Estado, policiais militares são flagrados cometendo algum ato heroico, porém, por ser um ato do ofício e por vezes não estar envergando a farda caqui, suas façanhas não recebem notoriedade.
No seu período de descanso, pós longas jornadas de trabalho, o policial militar continua imbuído de sua missão de proteger a sociedade e o cidadão, mesmo que para isso, tenha que que sacrificar a própria vida. Assim foi na cidade de Francisco Beltrão, quando em mais um episódio da vida cotidiana, um policial militar que transitava com seu veículo particular acabou por evitar mais uma tragédia!
Passando por um local de intenso fluxo de pessoas e veículos, o tirocínio do militar estadual detectou uma anormalidade naquele contexto urbano. Uma mulher, sentada no parapeito de uma ponte, passou as pernas para o lado de fora evidenciando que pretendia suicídio.
De imediato o PM estacionou e se aproximou, conseguindo agarrar a aflita mulher, impedindo o ato que certamente acabou mal interpretado para algumas pessoas, já que a vítima transtornada, usava de força física para se desvencilhar e continuar com o plano.
Diversas ligações para o 190 foram registradas e rapidamente uma equipe do 21º Batalhão de Polícia Militar deslocou ao local onde o colega ainda resguardava a integridade da pessoa. A guarnição registrou boletim de ocorrência e os fatos foram confirmados pela vítima que assegurou estar convicta do resultado se não fosse a intervenção do policial. A vítima que não teve suas razões pormenorizas foi encaminhada pelo SAMU e recebeu atendimento médico”.

Créditos: RBJ - Islan Roque - Foto:Reprodução

Compartilhe com seus amigos!

Veja as últimas notícias abaixo

PUBLICIDADE
no2
no9